Pages Menu
TwitterRssFacebook
Categories Menu

Adicionado in Grandes Músicos, Musicoterapia

MÚSICO SÉRGIO RAMOS

MÚSICO SÉRGIO RAMOS

12345

musico_sergio_ramos.jpg

Violonista, compositor, arranjador, este talentoso artista brasileiro domina vários estilos musicais como: Bossa Nova, Blues, Samba, Jazz, World Music, New Age, com muita propriedade, imprimindo em todos, a marca personalíssima de seu estilo, inconfundível.

Nascido em 1954, em São Paulo, reside atualmente na cidade Uberaba, MG, onde se dedica também ao ensino de violão, guitarra e harmonia e a um projeto de Musicoludoterapia com crianças de 03 a 12 anos de idade.

Acostumado a uma convivência constante com a música desde cedo, filho e irmão de exímios músicos , iniciou seus estudos por volta dos 11 anos de idade, com o irmão Paulo Ramos. Já aos 12 anos fez sua primeira apresentação pública. Aos 14 anos integrava um conjunto, em companhia do Pai, o acordenonista português Domingos Ramos. Sua mãe era angolana.

Sérgio Ramos é um autodidata. Elegeu os clássicos como sua primeira base de estudos e a partir desse sólido conhecimento busca na música universal de todos os tempos as suas fontes de pesquisa . É também guitarrista e contrabaixista, mas se dedica primordialmente ao violão que considera “o seu instrumento”.

Artista eclético e versátil, Sérgio Ramos tem uma preocupação especial com a harmonia. Com um domí­nio perfeito e elegante dos efeitos dissonantes e uma busca incessante de novos timbres, seus arranjos são elaborados com esmero, e se encadeiam numa profusão de acordes, quase sempre invertidos, permeados de contrapontos, que criam ricos matizes sonoros e dão ao conjunto uma completude e beleza surpreendentes.

Contato com Sérgio: (34) 3333.6390 ou sergioramos.guitar@terra.com.br

O instrumentista

Iniciando sua carreira como instrumentista em Uberaba, ainda muito jovem mudou-se para São Paulo-SP, onde tocou em diversas casas noturnas. Participou de vários conjuntos musicais como guitarrista, violonista e contrabaixista, viajando por todo o Brasil, experiência que muito contribuiu para despertar-lhe um grande interesse sobre o estudo da diversidade e riqueza da musica brasileira. Observador nato, empreendeu várias pesquisas musicais, inclusive em estádios, buscando conhecer melhor a arte musical brasileira e aperfeiçoar sua tôcnica e expressividade.

Tanto na guitarra quanto ao violão, criou um estilo muito pessoal, mostrando um domí­nio ágil dos mais diversos ritmos, uma sonoridade perfeita, e uma interpretação vigorosa e extremamente sensí­vel .

Vem de Minas Gerais, especialmente da região de Belo Horizonte, sua principal fonte de inspiração musical , onde residiu e continuou sua carreira e seus estudos, na década de 1980 . Ali, grandes nomes da MPB, internacionalmente conhecidos, como Milton Nascimento, Dárcio Marques (intérprete de algumas das músicas de Sérgio), Toninho Horta, Tavinho Moura , Beto Guedes , Guinga , Paulinho Pedra Azul , lançaram as bases de uma importante vertente da Música Popular Brasileira , culta, e bem elaborada. Bebendo também dessa fonte, Sérgio Ramos tem hoje o seu trabalho reconhecido por esses artistas, que o têm como um dos expoentes da moderna música brasileira.

O compositor e Arranjador

Artista eclético e versátil, Sérgio Ramos tem uma preocupação especial com a harmonia. Com um domí­nio perfeito e elegante dos efeitos dissonantes e uma busca incessante de novos timbres, seus arranjos são elaborados com esmero, e se encadeiam numa profusão de acordes, quase sempre invertidos , permeados de contrapontos, que criam ricos matizes sonoros e dão ao conjunto uma completude e beleza surpreendentes.

Profundamente identificado com as raízes culturais brasileiras, o elemento rí­tmico é um componente marcante em sua música, revelando a influência africana e um lado oriental que desponta em Fiat-Lux, seu segundo CD. Dedicando boa parte de seu tempo à pesquisa e ao estudo da música em todas as suas manifestações, Sérgio Ramos não se preocupa em seguir uma tendência pré-estabelecida , transitando com propriedade de um estilo para o outro. Acredita que a música não tem fronteiras e se sente livre para expressar suas concepções e sentimentos numa linguagem musical que ora convida à alegria, ao movimento, à dança, ora à interiorização e ao recolhimento.

Cada peça de sua obra tem o um encanto singular, uma peculiaridade, a marca de seu talento ímpar, reunindo com grande maestria, em torno de seu violão, instrumentos acústicos e eletrônicos diversos, sons da natureza e efeitos especiais.

Em sua fase mais recente, cujo registro se encontra basicamente no CD Fiat Lux, Sérgio Ramos traz uma música progressiva , futurista e quase mí­stica, que incorpora elementos orientais e ocidentais em belí­ssimas composições que harmonizam e convocam ? sintonia do eu consigo mesmo, com o Cosmos e com o Criador. Uma música-luz , bálsamo para a humanidade a caminho da Nova Era.

Discografia

Princesa » 1996 » Peça Clássica » Gravada pela Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto – SP.

Criação » 1997 » Uberaba/MG » CD com 12 canções no gênero MPB (Música Popular Brasileira ).

Fiat Lux » 1998 » Uberaba/MG » CD com 08 faixas instrumentais no gênero World Music .

Semear » 1999 » Rio de Janeiro/RJ » CD com 12 canções com temas holí­sticos.

Urupê » 2000 » Uberaba/MG » CD instrumental acústico eletrônico com sete faixas , gênero jazzástico-brasileiro ,com temas e improvisações.

Sete Colinas » 2001 » Uberaba/MG » CD com 15 faixas instrumentais ou cantadas, em estilo MPB mineira.

Participações

Renascer » CD de Regina Bazí­lio » 1998 » Uberaba/MG ( como compositor )

Cantigas de Abraçar » 1999 » CD de Dárcio Marques que conta com a participação de Elomar, Xangai, Renato Teixeira, Carlinhos Brown, Paulinho Pedra Azul (como compositor e instrumentista na faixa “Esperança Passarin”)

Volume 12 » Planeta Nova Era » Compilação no estilo New Age/World Music, com a participação de autores brasileiros e internacionais (Faixa Faz-se a Luz)

Cores de Minas » 2000 » CD de Marcelo Taynara ( co-autor da Música Sete Colinas e violonista em cinco faixas)

Grupos Musicais

Os Seresteiros » 1969

Rossetti » 1971

Dimenson » 1972

Mugstones » 1973

Alquimia » 1990

Musical Harmonia » 1994

Expressção Musical » 1996

Shows

Terceiro Musical Eletrônico Sound Center 1991 » Uberaba/MG

Criação » 1997 » Uberaba, Montes Claros, Lagoa da Prata, Arcos e Belo Horizonte/MG

Apresentações em diversas casas na cidade e região

Noite da Bossa Nova » 1997 » Uberaba/MG

Isto é Brasil »1997 » Uberaba/MG

Renascer » 1998 » Uberaba/MG

Bem que se quis » 1997 » Uberaba/MG

Minas e sua Música » 1998 » Uberaba/MG

Encontro Musical » Voz, amigos e Violão » 1998 » Uberaba/MG

Estado da Música » 1998 » TV Cultura » Belo Horizonte/MG

Diversas apresentações em emissoras de rádio e TV de Uberaba e região.

Do Ensino da Música ? Musicoludoterapia

Paralelamente ? s suas atividades artíticas, Sérgio Ramos dedica, há cerca de três décadas, especial atenção ao ensino da música e de instrumentos de corda como: violão, guitarra, contra-baixo.

Criou e regeu, na década de 1980, a Banda de Música ” Lira de São Carlos” composta por um grupo de adolescentes, na Cidade mineira de Lagoa da Prata.

É docente da Escola de Música Soud Center, de Uberaba, desde 1991.

É pesquisador, co-autor e orientador musical do Projeto Domingos Ramos, de Musicoludoterapia, iniciado em Uberaba -MG em 1996 visando ao desenvolvimento integral, ao equilí­brio e ? harmonização através da música, e atende atualmente a 250 (duzentas e cinquenta ) crianças e pré-adolescentes na faixa etária de 03 a 12 anos.

Sobre a arte de Sérgio Ramos

Criação

Criação revela a versatilidade desse artista que reúne: jazz, blues, reggae, samba, bossa, frevo, baião, sempre com a marca personalí­ssima que define o seu estilo: a modernidade, presente nos temas, na concepção rítmica , na riqueza da harmonia. São doze faixas, duas instrumentais e dez cantadas. Para a interpretação, Sérgio convida também músicos e cantores uberabenses de grande talento, dentre eles o extraordinário Dárcio Marques.

Fiat Lux

Música instrumental harmonizante com belí­ssimos arranjos com violões, violinos, teclados, sons de natureza. Sem a preocupação de seguir um estilo preestabelecido, Fiat Lux traz uma música progressiva, mística e futurista que convida à interiorização, à sintonia do eu consigo mesmo, com o Criador e com o Cosmos. Com oito faixas, este belíssimo CD traz um pouco a expressão da universalidade musical, ora lembrando a leveza dos sons orientais, ora incorporando um vigor rí­tmico que reúne elementos brasileiros, africanos, latinos

Urupê

Instrumental acústico eletrônico riquí­ssimo em arranjos , percussão, teclados, guitarras , efeitos e o inconfundível violão de Sérgio Ramos. São sete faixas. A alegria é o tom deste trabalho que traz a marca forte da brasilidade do autor com sua música, sempre atual e vibrante, sem rótulos nem fronteiras. Incorporando as raízes do Samba, o Jazz, o Baião, o Pop, o Funk, este trabalho traz, como nunca, a marca registrada do autor, cuja profundidade musical é inconteste.

Sete Colinas

Este CD lançado em 2001, reúne 15 composições de Ségio Ramos e Marcelo Taynara em MPB regional. Os temas retratam aspectos culturais do Triângulo Mineiro. Os ritmos de alguma faixas resgatam raízes afro-brasileiras. Modernas melodias e uma harmonia quase sempre muito sofisticada conferem ao trabalho um toque especial, que o equipara à mais autêntica MPB mineira da atualidade. A caminhada musical de Sérgio Ramos e Marcelo Taynara vem despertando a atenção não são do público mas também da crítica musical , que os tem considerado verdadeiros expoentes da MPB de boa qualidade. Ultrapassando as fronteiras de Uberaba e região , esses dois músicos são hoje amplamente conhecidos e reconhecidos pelo seu talento e o seu compromisso com as nossas raízes culturais. Seus CDs correm hoje o Brasil, o Canadá, Espanha, França e América Latina.

16 Comments

  1. Roberto sou amigo do sérgio ele precisa do seu email para lhe enviar umas fotos, OK

    pode mandar pelo email da Loja Sound Center onde ele trabalha

    agradecido

    Marcelo

  2. Tendo conhecido o grupo musical Os Mugstones na decada de 60 e também o embriao deste grupo (Os Poligonais) a muito tento conseguir o LP gravado pelos mesmos – unico com o nome de Poligonais – em 1966.
    Apos o periodo jovem guarda não sabia que o grupo tivesse continuado na decada de 70. O grupo neste periodo gravou algum disco?
    Possuo o LP Mugstones de 67 – embora um pouco danificado – e também um compacto com o grupo Magmans – também de Uberaba – e tambem desta epoca.

    Um abraço

    Caso seja possivel conseguir o disco Poligonais favor me informar como.

  3. Gostaria,se possìvel de mais informações sobre o musico SERGIO RAMOS.Para um trabalho escolar.Se é ou se foi casado,se tem filhos,qual a sua altura e quanto tempo morou em Lagoa da Prata?URGENTE!POR FAVOR!Muito obrigada.RUTE

  4. Rute

    Morei em Lagoa da Prata durante mais ou menos 10 anos.
    Terei prazer em dar-lhes as informações que você deseja. Por favor, utilize meu e-mail.

    Sérgio Ramos

  5. Sergio Ramos é companheiro,parceiro,músico,amigo,irmão de todas as horas.Um violonista brasileiro,compositor de obras belíssimas de boníssimo gosto e teor.Está e sempre esteve pronto para seguir obtendo êxitos na música acima da média de seus contemporâneos.

  6. Sergio Ramos… minha primeira influencia musical. Sou de lagoa da prata e tive a honra de fazer parte da banda lira sao carlos na decada de 80, quando na ocasiao eu era trompetista da banda. Realmente a presenta desse ser em lagoa da prata nao foi somente importante para aqueles integrantes sonhadores da banda, mas principalmente para a cidade que depois da passagem de sergio resolveu dar sequencia na parte cultural do municipio. Quase uma decada e meia depois eu trabalhava em uma emissora de radio local, como locutor e reporter tive a surpresa e a alegria de receber em meu programa o meu primeiro maestro, meu amigo, irmao de muitas lutas e muitas glorias. Na oportunidade fui presenteado com 3 classicos cd´s de sergio ramos, alem de um bom e saudavel papo de amigos. Hoje, estou escrevendo um livro, meu primeiro e uso, como musica reflectiva nos momentos de escrever, as lindas canções do cd sete colinas, que gardo com muito prestigio.

    Um Abraço a Todos.

    adriano4dias@yahoo.com.br

  7. Gostaria de ter um cd vosso, sérgio, favor me informar como posso conseguir aí em Uberaba.
    Se a pessoa que procura pelos poligonais interessar, eu tenho o LP deles, moro em Cascavel PR, Rua Gauíba 400.
    Um abraço a você sr. Sérgio e a todos os mineiros.

  8. Bom dia!
    Tenho o curso de musicoluditerapia e sempre apliquei em crianças, surgiu agora uma oportunidade de aplicar em adultos. Gostaria de sua orientação de como aplicar em adultos.
    Desde ja agradeço a atenção.

  9. Sou de Monte Carmelo, e quando era menino assisti nesta cidade uma apresentação dos Poligonais e gostaria muito de saber o paradeiro deste pessoal que formava esta Banda.

  10. Sérgio Ramos é meu tio e amigo, a quem devo muito o meu aprendizado e enriquecimento musical. Participei dos CD’s “Criação” e Fiat Lux”, em que tive a honra de executar composições de exigência técnica e de interpretativa emocional. Por conhecer o Sérgio em proporções artísticas e familiares, devo dizer que até agora ele ainda não apresentou a todos o ápice de sua musicalidade, tendo reservado sua intimidade mais profunda nos raros momentos em que ele e seu violão se tornam um a quem ao seu lado estiver. Quem tem ouvidos que ouça, pois Sérgio Ramos é para guardar na alma.

  11. Ouvi e assiste os Poligonais de Uberaba noFlávio Cavalcante nos anos 70,eu era adolescente.Mas lembro que o Flávio disse essa Banda faz sucesso na Argentina e demais Paises vizinhos e não é conhecida no Brasil.Fiquei imprencionado,procurei disco da Banda nas bancas antigas e não encontrei só agora na Internet.Parabéns pelo que foi e é.

  12. Acho o Sérgio Ramos maravilhoso. Estive no Bar do Marquinhos e, para minha surpresa, ele estava tocando bossa nova. Me encantei. Gostaria de saber se há vídeo na internet com ele.
    Abraços

  13. Ola Sergio
    Sou muito feliz de ver o site de voce e de ouvir suas muito lindas musicas. Seu valsa de Domingos e muito, muito linda e me faz lembrar do concerto de voce e Toninho quando chegamos em Uberaba 8 anos d’aqui !
    Eu perdiu todos contactos de Minas. Si voce pode me enviar seu mail, serei super.
    Beijos de Paris e obrigada por seu musica tao linda

  14. Olá, Tamia

    Que prazer me comunicar com você. Meu e-mail é: sergioramos.guitar@terra.com.br. Aguardo seu contato.
    Abraços
    Sérgio

  15. eu nao achei videos dele na internet, mas sabemos que antes de 2010 nós já o conhecíamos e nos encantamos…. e e ele, de fato, é um otimo instrumentista, ainda que haja centenas de outros maravilhosos musicos do mesmo calibre senao maior que ele, neste celeiro de talentos que é nosso Brasil varonil. Caso localize algum video dele eu avisarei, abraços a todos os talentosos de Uberaba.

  16. O Professor Sérgio Ramos é simplesmente magnífico! Tive a honra de estudar com ele e tudo que aprendi em música, devo a ele. Ainda me emociono com os álbuns “Fiat Lux” e “Universal”. Um forte abraço de sua ex-aluna, Kallyene.

Post a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *